A Secretaria da Educação do Estado (SEC) realizará, na próxima quarta-feira (12), o Seminário de Disseminação dos Resultados do Sistema de Avaliação Baiano de Educação (Sabe), no Hotel Fiesta, em Salvador. O evento, que será realizado em parceria com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), reunirá 600 pessoas para apresentar os resultados das redes municipais na avaliação SABE de 2023 e os indicadores sociocontextuais para o Índice de Melhoria da Educação (Imed), bem como para promover debates entre pesquisadores e gestores educacionais sobre metodologia, uso dos dados para decisões educacionais e compartilhamento de experiências exitosas.

O seminário reunirá agentes pedagógicos das secretarias municipais de Educação e diretores dos Núcleos Territoriais de Educação (NTEs), além de representantes do Conselho Estadual de Educação (CEE), da Secretaria da Fazenda (Sefaz), do Tribunal de Contas do Estado e dos Municípios (TCE/TCM), das universidades estaduais e federais, da União dos Municípios da Bahia (UPB), e de outras instituições. Os participantes vão abordar temas como indicadores contextuais e monitoramento da qualidade e da equidade na educação; avaliação em larga escala para o fortalecimento da colaboração entre Estado e municípios; e uso dos resultados da avaliação para gestão pedagógica. 

Confira a programação completa:

8h30 às 9h30 – Credenciamento e coffee break

9h30 às 10h40 – Palestra “A importância dos Sistemas de Avaliação em larga escala para o fortalecimento do regime de colaboração entre Estado e municípios” – Prof. Wagner Rezende, coordenador de Projetos do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF)

10h40 às 11h – Perguntas

11h às 12h – Apresentação dos resultados Sabe 2023 – Prof. Lina Kátia Mesquita, diretora da Fundação CAEd/UFJF

12h às 14h – Almoço

14h às 15h – Palestra “O uso dos resultados da avaliação para a gestão pedagógica da rede e das escolas” – Márcio Fagundes, professor da rede municipal de ensino de Juiz de Fora e colaborador do CAEd/UFJF.

15h10 às 16h10 – Mesa 1: “A importância dos itens de resposta construída para o diagnóstico da aprendizagem” – Glauker Amorim, professor de Matemática da Universidade Federal de Juiz de Fora e pesquisador do CAEd/UFJF; Josiane Toledo, professora de Língua Portuguesa e supervisora da Equipe de Correção de Instrumentos do CAEd/UFJF.

16h10 às 16h30 – Perguntas

16h30 às 17h20 – Mesa 2: “Os indicadores contextuais e o monitoramento da qualidade da educação: a importância do IDEBA” – Joaquim Neto, presidente da Abave e professor colaborador do CAEd/UFJF; professor César Soares,  pesquisador do CAEd/UFJF; e professor Luiz Vicente Ribeiro, coordenador de Instrumentos e Indicadores do CAEd/UFJF

Fonte: Ascom/SEC

Fonte: Clique aqui

Créditos do autor: Daza Moreira

Créditos da imagem: Reprodução/Divulgação

Os direitos de imagem e texto são de autoria dos respectivos autores e editores mencionados no post original. Consulte a fonte primária clicando em ‘Fonte: Clique aqui’. Esta plataforma respeita a legislação de direitos autorais vigente (Lei nº 9.610/1998) e compromete-se a retirar qualquer conteúdo que infrinja os direitos autorais mediante notificação apropriada. Clique em ‘Contato’ para falar conosco.