Líder russo comanda país desde 1999, alternando entre cargos de primeiro-ministro e presidente; opositores contestam pleito

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, de 71 anos, venceu as eleições e seguirá no comando do país pelo menos até 2030, segundo TV Estatal russa com base em dados preliminares da Comissão Eleitoral Central. Até o momento, 80% das urnas foram apuradas e o líder russo recebeu 87,15% dos votos.

A pesquisa de boca de urna da agência governamental russa Vciom (Centro Russo de Pesquisa de Opinião Pública) aponta que Putin ganhou com 87% dos votos. Além dele, só 3 candidatos disputaram a Presidência, mas nenhum dos concorrentes tinha chances de vencer. A oposição na Rússia os acusa de serem “fantoches” e a participação na eleição seria apenas para dar ar de legalidade.

Eis os demais nomes e a posição de cada um deles:

  • Nikolai Kharitonov (2º) – 4,22% dos votos;
  • Vladislav Davankov (3º) – 4,04% dos votos;
  • Leonid Slutsky (4º) – 3,16% dos votos.

Com a confirmação da reeleição, Putin superará o tempo de governo de Josef Stalin, que liderou a União Soviética por 28 anos e 11 meses (1924-1953). O atual mandatário governa a Rússia há quase 25 anos. Será seu 5º mandato.

Desde 1999, ele alterna nos cargos de primeiro-ministro e presidente. Em 2020, o líder russo promulgou uma mudança na Constituição. A medida permite que ele fique no poder até 2036 caso vença as eleições deste ano e a de 2030.

O pleito, que entrou no 3º dia neste domingo, é contestado depois que políticos tiveram suas candidaturas rejeitadas.

Putin iniciou sua carreira política em agosto de 1999, aos 46 anos, quando foi nomeado primeiro-ministro pelo então presidente Boris Yeltsin, 1º presidente da Rússia depois da dissolução da União Soviética em 1991.

Antes de assumir como chefe de governo, Putin integrou a KGB (Comitê de Segurança do Estado) de 1975 a 1991. Em 1998, quando a agência de inteligência já havia sido renomeada para FSB, foi indicado a diretor da organização.

FAVORITISMO

Nas pesquisas que antecederam o pleito, o presidente russo apareceu com 75% das intenções de voto e 69 pontos percentuais à frente de Vladislav Davankov, o 2º colocado na pesquisa.


Leia mais sobre as eleições russas:

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *