Foto: Betto Jr. / Secom PMS

Os professores da rede municipal de ensino de Salvador receberam nesta quinta-feira (4) um espaço dedicado ao acolhimento e à melhoria da qualidade de vida e bem-estar destes profissionais, tão importantes para o desenvolvimento dos jovens da cidade. A Prefeitura entregou o Centro de Acolhimento ao Educador Tereza Cristina Santos, que vai funcionar no Edifício Big, localizado na Praça da Inglaterra, no Comércio. A inauguração contou com a presença do prefeito Bruno Reis, de Thiago Dantas, secretário municipal de Educação (Smed), e de outras autoridades.

O novo equipamento vai promover o cuidado de saúde mental aos profissionais da carreira do magistério da rede pública de ensino. O espaço contará com 50 psicólogos, integrantes da Diretoria de Gestão de Pessoas (Dgesp) da Smed, que atuarão em três linhas de cuidado: acolhimento e suporte psicológico individual e intervenções grupais; promoção e prevenção em saúde mental no trabalho; e equidade, qualidade de vida e bem-estar. Os atendimentos vão ocorrer de forma individualizada e em grupos.

“Mais uma excelente ideia da nossa gestão na área de educação. Aqui, o objetivo é acolher quem acolhe, cuidar de quem cuida. São mais de 50 psicólogos que vão estar aqui para atender à nossa rede, dando todo o suporte aos nossos educadores que precisam de um acompanhamento de um psicólogo, que precisam de apoio para questões emocionais. Ou seja, para cuidar de vocês, que são fundamentais para a gente fazer uma educação cada vez mais de qualidade”, afirmou Bruno Reis.

O Centro de Acolhimento ao Educador Tereza Cristina Santos funcionará de segunda a sexta-feira, nos turnos matutino e vespertino, e contará com oito salas de atendimentos individuais, uma sala para atendimento em grupo, recepção e sala de espera. A expectativa é que o espaço atenda até 50 pessoas simultaneamente.

Segundo o titular da Smed, Thiago Dantas, a entrega é um marco para o ensino municipal. “A rede passa a ter um espaço dedicado ao acolhimento do educador, a cuidar de quem cuida. A Prefeitura dotou a rede de psicólogos para poder fazer uma série de trabalhos, desde atendimentos individualizados até acompanhamento de demandas nas escolas, passando também pela formação. Tudo isso como uma ação de valorização e de reconhecimento da importância do trabalho dos educadores de Salvador”, disse.

Os atendimentos serão previamente agendados por meio de link de acesso ao formulário de inscrição, a ser disponibilizado no portal da Smed. “A Diretoria de Gestão de Pessoas foi criada neste ano e já faz uma primeira grande entrega, que é olhar as pessoas sob uma perspectiva de acolhimento. São estes profissionais que vão orientar o funcionamento deste espaço e acolher os educadores da melhor maneira possível”, explicou Thiago Dantas.

Homenagem – A escolha do nome do Centro de Acolhimento ao Educador se deu em homenagem à ex-servidora da educação municipal Tereza Cristina Santos, que por mais de quatro décadas contribuiu para uma vivência acolhedora e humanizada, muito significativa aos servidores da Secretaria Municipal de Educação (Smed).

Irmã da homenageada, Maria Santos do Espírito Santo, de 60 anos, participou da inauguração e falou sobre a lembrança: “Essa foi a coisa mais linda que já vi. Tereza era uma pessoa maravilhosa, tanto no trabalho como em casa, com os amigos. Sempre alegre, querendo ajudar. O lema dela era ajudar os demais. Ela era merecedora desta linda homenagem e a gente, da família, fica muito emocionada”.

“Ao inaugurar este espaço, a Prefeitura faz uma justa e merecida homenagem a Tereza Cristina, educadora que nos deixou no ano passado, que foi muito querida por toda a rede municipal de ensino. Por isso, a gente eterniza o nome dedicando a ela este espaço, que é o espaço do acolhimento ao educador, algo que, com certeza, vai ser motivo de muita alegria para todos os educadores”, afirmou Thiago Dantas.

Reportagem: Priscila Machado e Vitor Villar / Secom PMS

Fonte: Clique aqui