Nesta terça-feira (19), o Ministério Público do Trabalho (MPT) abriu um inquérito para apurar o soterramento que deixou um operário morto. O caso aconteceu na última segunda-feira (18), no Polo Industrial de Camaçari, Região Metropolitana de Salvador.


A vítima fatal do desabamento foi o operário Ordiley Pereira Sodré, de 41 anos. O Soterramento ainda teve duas outras vítimas, que saíram com vida. Uma delas deixou o local por conta própria e a outra foi resgatada pela equipe do Corpo de Bombeiros.


As duas vítimas foram socorridas e direcionadas ao Hospital Geral de Camaçari (HGC). 


O acidente aconteceu no momento em que um galpão estava em demolição, segundo informações da Defesa Civil de Camaçari.


“Eles estavam fazendo a demolição dos pop shops, ou seja, dos galpões que são todos pré-moldados. E aí a máquina, pela posição que está, desabou por cima da [outra] máquina”, conta Ivanildo Soares, coordenador da Defesa Civil de Camaçari.


O Corpo de Bombeiros realizou busca por possíveis novas vítimas no local do desabamento durante cerca de 10 horas, porém a hipótese foi descartada.


A causa do soterramento ainda não foi confirmada. O Ministério Público do Trabalho busca analisar os elos que causaram o acidente. 


O MPT também informou que deverá contar com informações dos órgãos que atuam no caso, como Departamento de Polícia Técnica (DPT), Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Instituto Médico Legal (IML) e a Superintendência Regional do Trabalho da Bahia (SRT-BA), órgão de fiscalização que em casos de acidentes fatais em ambientes de trabalho realiza perícia para verificar o cumprimento das normas regulamentadoras de saúde e segurança do trabalho específicas para cada tipo de atividade.

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *