Além disso, o A05 não possui uma lente macro, que serve para capturar maior riqueza de detalhes em objetos próximos. No fim das contas, esse tipo de detalhe serve melhor a quem deseja fotografar muito e com mais qualidade, mas não é algo que faz tanta diferença para as fotos do dia a dia.

Por fim, falando das câmeras frontais, usadas para produzir selfies, somente o Galaxy A55, justamente o modelo mais caro, tem uma resolução considerada razoável para os padrões de mercado. Nos demais aparelhos, mesmo para produzir fotos de si próprio, talvez seja mais adequado tentar com as câmeras traseiras.

Desempenho

Aqui, há algumas diferenças relevantes. Todos os processadores são de oito núcleos, algo que é praticamente padronizado na indústria de smartphones atualmente.

Mas as diferenças de chipset são notáveis. A partir do Galaxy A25, os modelos se utilizam de chipsets da Exynos, marca própria da Samsung. Deve-se esperar um melhor desempenho deles, uma vez que funcionam de forma entrosada com os celulares da marca.

Além disso, é preciso se atentar à memória RAM, usada para armazenar temporariamente dados e instruções que o processador precisa acessar rapidamente enquanto executa programas e tarefas. Por isso, quanto maior ela for, melhor. Opte pelos modelos de 8 GB, se o que você busca é executar tarefas que vão exigir mais do celular.

Fonte
Uma nova postagem a cada 10 Minutos

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *