O segundo suspeito de envolvimento no latrocínio do policial militar Marcos Alan Magalhães Vicente, ocorrido na última terça-feira, no Conjunto Feira X, teve o mandado de prisão cumprido na sexta-feira (15), no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A ordem judicial foi cumprida após diligências junto ao Poder Judiciário, realizadas em conjunto pela 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) de Feira de Santana e o DHPP.

As investigações apontaram que o PM foi baleado por dois homens, após uma tentativa de roubo no bairro Muchila, no momento em que chegava em casa com a sua filha. Ele foi abordado pelos criminosos que tentaram levar a sua motocicleta. A dupla já tinha passagens por roubo e tentativa de latrocínio.

Um dos envolvidos foi localizado em Santo Estevão, no dia seguinte ao crime, durante ação conjunta das polícias Civil e Militar. Houve confronto e o homem foi atingido, sendo socorrido para uma unidade hospitalar, mas não resistiu. 

Fonte: Ascom/PC

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *