Em celebração ao Dia Nacional da Educação Ambiental e Dia Nacional em Defesa do Rio São Francisco, nesta segunda-feira (3 de junho), os estudantes do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Águas, localizado no município de Barra, participaram de uma caminhada ecológica e fizeram plantios de mudas nativas nas margens do Rio Grande, um dos afluentes do Rio São Francisco. Já os estudantes do Colégio Estadual Grandes Mestres Brasileiros, localizado em Matina, participam do Ato em Defesa do Rio São Francisco no município de Carinhanha. As atividades integram as ações da campanha Junho Verde, da Secretaria da Educação do Estado (SEC), que objetiva conscientizar a população sobre as questões relacionadas ao meio ambiente e sua conservação.

O Junho Verde reforça as ações e projetos da SEC voltados para a Educação Ambiental e mostra que a Bahia prioriza trabalhar esse componente em todos níveis e modalidades do ensino, conforme recomenda as políticas Nacional (Lei n° 9.795/99) e Estadual (Lei n° 12.056/2011) de Educação Ambiental. Dentre as ações, se destaca o Programa de Educação Ambiental do Sistema Educacional da Bahia (ProEASE), que ajuda a fomentar as discussões sobre as questões socioambientais nas unidades escolares, de forma transversal e contextualizada. O projeto estruturante “Juventude em ação: construindo a Agenda 21 nas Escolas (JA)”, tem o objetivo de promover a formação de Comissões de Meio Ambiente e Qualidade de Vida (COM-VIDA) e a elaboração da Agenda 21 Escolar, por meio do protagonismo estudantil.

Foto divulgação

Para o estudante Henrique Soares, 17, do curso técnico em Administração, atividades como o plantio de mudas em nascentes são fundamentais para conscientizar a população sobre a importância do meio ambiente. “Além de aprender, nos tornamos cidadãos mais sustentáveis e preocupados em salvar o meio ambiente para garantir um futuro melhor para as pessoas”, disse.

Educação Ambiental na Rede Estadual

Por meio de processos pedagógicos que favorecem o desenvolvimento de competências, habilidades e valores sociais que contribuam para o fortalecimento da sustentabilidade socioambiental, as unidades escolares são estimuladas a realizarem, no decorrer de todo o ano letivo, atividades e ações pedagógicas de sensibilização e conscientização sobre o meio ambiente e as mudanças climáticas, tendo, em 2024, como foco central os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Além disso, as atividades contextualizam datas comemorativas, como o Dia Nacional da Educação Ambiental (3/6); Dia Nacional em Defesa do Rio São Francisco (3/6); Dia Mundial do Meio Ambiente (5/6) e Dia Mundial dos Oceanos (8/6).

Um dos projetos desenvolvidos pela SEC é o “Hortas escolares: plantar, cuidar e cuidar-se”, que abre caminhos para a implantação de hortas nas escolas como uma das estratégias para fortalecer a inclusão da Educação Ambiental de forma transversal. Já a “Conferência Infantojuvenil pelo Meio Ambiente” permite que os estudantes pesquisem, dialoguem e reflitam sobre as questões socioambientais; elaborem um projeto de ação com o objetivo de transformar a realidade; e escolham seus representantes para levar adiante as ideias acordadas entre todos.

Dentre as escolas que também realizarão atividades para celebrar a Semana do Meio Ambiente, estão o Colégio Estadual Maria Otília Lutz, localizado em Salvador, que fará, no dia 5 de junho, um simpósio sobre Educação Ambiental e o Colégio Estadual Governador Lomanto Jr, que promoverá, no mesmo dia, uma caminhada à Lagoa do Abaeté. Já no dia 7 de junho, os estudantes do Colégio Estadual de Tempo Integral Virgílio Francisco Pereira, em Nova Fátima, irão pesquisar e plantar uma espécie de planta nativa da caatinga.

Fonte: Ascom/SEC

Fonte: Clique aqui

Créditos do autor: Lais Souza

Créditos da imagem: Reprodução/Divulgação

Os direitos de imagem e texto são de autoria dos respectivos autores e editores mencionados no post original. Consulte a fonte primária clicando em ‘Fonte: Clique aqui’. Esta plataforma respeita a legislação de direitos autorais vigente (Lei nº 9.610/1998) e compromete-se a retirar qualquer conteúdo que infrinja os direitos autorais mediante notificação apropriada. Clique em ‘Contato’ para falar conosco.