Fotos: Betto Jr. / Secom

O prefeito Bruno Reis afirmou que a segunda-feira (12) de Carnaval superou o sábado (10) em número de pessoas nos circuitos oficiais da festa e comemorou o sucesso da folia no Centro. Em entrevista na sala de imprensa do Campo Grande nesta terça-feira (13), ele revelou que foram mais de 2 milhões de pessoas nas ruas nesta segunda, que teve o maior número de foliões nos circuitos da história, superando em 5 mil em comparação ao sábado. Bruno disse ainda que o fortalecimento do Carnaval no Centro é o maior legado da atual gestão na folia da capital baiana.

“No circuito da Barra/ Ondina, ontem passaram pelos pórticos 860 mil pessoas. No circuito aqui do Campo Grande, foram 836 mil pessoas. Praticamente empatou em número de foliões. Se a gente não tivesse feito um Carnaval forte aqui no Centro, com grandes atrações que arrastam multidões, imaginem os impactos que nós teríamos no circuito da Barra”, salientou o prefeito.

Antes da entrevista, ele realizou uma reunião de avaliação da folia com secretários e dirigentes municipais. O prefeito acompanha na tarde desta terça as atrações que desfilam no circuito Osmar, entre elas a cantora Ivete Sangalo.

O prefeito destacou que, no sábado, houve uma concentração maior de pessoas no circuito Dodô, mas na segunda houve maior equilíbrio entre os circuitos, o que garantiu que a operação dos serviços públicos, como transporte e trânsito, funcionasse bem, sem maiores intercorrências. Diante disso, Bruno voltou a destacar a ideia de, para os próximos carnavais, criar um ‘super sábado’ também no Centro.

“Isso confirma que é importante a gente fortalecer o sábado aqui (no Centro) também. No sábado, foi uma dificuldade, acabou impactando também com a superlotação (na Barra/ Ondina). Ontem, toda a operação funcionou de forma excepcional. Então, o fortalecimento desse circuito faz com que o Carnaval possa funcionar bem, e que ocorra com uma harmonia, com tranquilidade maior”, salientou.

Legado – Segundo o prefeito, o maior legado da atual gestão no Carnaval é o fortalecimento da folia no Centro. “Foi a nossa gestão que salvou o Carnaval do Centro, e isso ninguém jamais vai tirar. O mais marcante no Carnaval foi o retorno com força do Carnaval do Centro. É o maior legado. Ontem, praticamente empatou (o número de pessoas nos dois circuitos): 861 mil contra 836 mil. Tinha, pelo menos, 20 anos que isso não ocorria nessa cidade, e nós fizemos isso, criamos produtos para cá, divulgamos o Carnaval do Centro. Se tem uma marca dessa gestão em relação ao Carnaval é que salvou o Carnaval do Centro”, destacou.

Bruno lembrou da abertura histórica da folia deste ano na Praça Castro Alves, com um encontro de trios que reuniu Ivete Sangalo, Carlinhos Brown, BaianaSystem e Ilê Aiyê. “Foi uma abertura de história, nunca teve uma abertura do Carnaval tão emocionante como aquela”, frisou, ao lembrar o retorno de atrações de peso ao Centro, como Ivete Sangalo, que se apresenta nesta terça (13).

Por fim, o prefeito lembrou que, em edições anteriores da folia, era comum que profissionais da imprensa perguntassem sobre o futuro do Carnaval no Centro, o que não aconteceu neste ano. “Muitos perguntavam ‘e aí vai salvar, vai acabar, qual o destino daqui’, diziam que as pessoas não querem vir mais para aqui, que os artistas não querem mais tocar aqui. Essa dúvida, esse receio, agora ficou no passado, não há mais hipótese de isso acontecer”, finalizou.