Os recentes ataques massivos de drones e mísseis russos ao sistema energético ucraniano causaram danos no valor de mais de US$ 1 bilhão ao setor, disse neste domingo (5) o ministro da Energia da Ucrânia, German Galushchenko.

Desde 22 de março, as forças russas têm atacado quase diariamente as centrais térmicas e hidroelétricas ucranianas, bem como as principais redes, provocando apagões em muitas regiões.

“Hoje, estamos falando de perdas superiores a um bilhão de dólares. Mas os ataques continuam e é óbvio que as perdas crescerão”, disse Galushchenko em comunicado.

Galushchenko disse que os principais danos foram às instalações de geração térmica e hidrelétrica, bem como aos sistemas de transmissão de energia.

“O sistema está estável para hoje, mas a situação é bastante complicada”, disse, acrescentando que graças às condições meteorológicas favoráveis, o sistema energético está atualmente a ser apoiado pela geração de energia eólica e solar.

Fonte: CNN Brasil