A AMD acaba de anunciar o FidelityFX Super Resolution (FSR) 3.1 como a sua nova tecnologia de upscaling e geração de quadros para jogos. Esta versão é a sucessora do FSR 3 que duplicou o desempenho de Alan Wake 2 e Hogwarts Legacy.

Nesta nova versão, o destaque é o suporte para tecnologias de ampliação de imagem de terceiros como NVIDIA DLSS e Intel XeSS, levando todas as melhorias da nova versão para mais configurações de máquinas.

Na prática, isto é possível porque o FSR 3 consegue desvincular o upscaling de imagem da geração de quadros, o que significa que qualquer GPU compatível com DLSS ou XeSS poderá ter uma jogatina mais fluída com mais FPS.

Outra novidade é o suporte para Vulkan e Xbox Game Development Kit (GDK), o que facilitará a implementação do FSR 3.1 em mais jogos.

Falando de aprimoramentos de imagem, a AMD adicionou mais estabilidade temporal, o que ajuda a evitar a movimentação e cintilação indevida de elementos gráficos. Veja um comparativo abaixo com o FSR 2.2 e FSR 3.1 em Ratchet & Clank: Rift Apart:

A AMD também afirma que a nova versão elimina o desfoque de objetos em movimento, como também foi exemplificado nos GIFs abaixo:

A nova API FSR 3.1 FidelityFX estará disponível até o segundo trimestre de 2024 e estará disponível em 40 jogos graças a uma parceria da AMD com desenvolvedoras.

Dentre os jogos suportados estão Avatar Frontiers of Pandora, Call of Duty Modern Warfare 3, Call of Duty: Warzone, Like a Dragon: Infinite Wealth, Starfield, Cyberpunk 2077, Dragon’s Dogma II, Ghost of Tsushima Director’s Cut, Ratchet & Clank: Rift Apart e muitos outros títulos.

No momento, apenas Forspoken e Immortals of Aveum já possuem integração com o AMD FSR 3.1, mas a lista deve ser ampliada gradualmente nos próximos meses.

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *