Abel Ferreira viu o Palmeiras alcançar a semifinal do Campeonato Paulista mais uma vez neste sábado (16) com goleada sobre a Ponte Preta. Após a partida, o treinador foi muito questionado sobre o futuro de sua equipe em 2024.

Para o treinador português, o resultado elástico não coloca o seu time como mais favorito do que outros adversários na temporada, aproveitando para dar uma cutucada em alguns dos principais rivais.

“Foi uma vitória contundente e uma prova que somos melhores que nosso adversário. Mas com outros adversários a história é outra. Não é só o Palmeiras que é candidato a títulos, há equipes que não ganharam nada no ano passado e investiram muito. Nós temos que estar preparados, porque todas as equipes que jogam contra nós vêm com a máxima força e temos que nos preparar”, disse.

“Favoritos são todos. A gente era favorito há quatro anos, era favorito ano passado. Todos querem ganhar. Eu disse na minha primeira coletiva que o Paulistão é aberto. A sensação que eu fico é que querem colocar essa pressão. A gente aguenta essa pressão, mas o Palmeiras está jogando fora de casa. Agora vamos ver quem vai chegar ao fim. Se queremos ganhar? Sim. Se vamos fazer de tudo para ganhar? Sim. Se vamos ganhar? Não sei”, completou.

Abel também mandou recado aos jornalistas presentes na sala de entrevista coletiva sobre uma possível eliminação na semifinal do Paulista, criticando o tratamento dado em caso de queda.

“Eu tenho que tomar cuidado com o que vou dizer, porque se não passarmos na próxima eliminatória vocês (jornalistas) vão pôr para baixo tudo o que fizemos até agora. Vocês são bons em fazer isso. O que nós temos que continuar a fazer é dar nosso melhor, entregar nosso melhor. Se ganharmos, muito bem. Se perdermos, continuaremos como foi contra o São Paulo”, afirmou.

“Não há equipes que ganham sempre. Eu tento fazer que meus jogadores desfrutem da forma de jogar, que se valorizem, temos boas opções de jogadores jovens e como vocês sabem não dá para todos jogarem. Eu sou pago para conquistar títulos e não formar jogadores. Formar jogadores é na base. Temos um bom mix entre jogadores experientes e novos”, acrescentou.

Próximos jogos do Palmeiras

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *