Defesa Civil confirmou 13 mortes no total em Mimoso do Sul e duas em Apiacá, três a mais do que o reportado no boletim das 6 horas deste domingo (24)

Publicado em 24 de março de 2024 às 10:16- Atualizado há 13 minutos


2min de leitura
Imagens mostram cenário de destruição em Mimoso do Sul
Imagens mostram cenário de destruição em Mimoso do Sul. (Divulgação – Max Wender / Casa Militar ES)

Subiu para 15 o número de mortos em decorrência das fortes chuvas que atingem o Espírito Santo desde a noite de sexta-feira (22). Agora, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (Cepdec) contabiliza 13 óbitos em Mimoso do Sul e dois em Apiacá. São três óbitos a mais em Mimoso do Sul do que havia sido reportado no boletim publicado às 6 horas deste domingo pela Defesa Civil.

A Polícia Científica (PCIES) informou que os corpos estão sendo levados para o Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro de Itapemirim. Duas equipes do Departamento Médico Legal (DML) Vitória foram deslocadas para dar apoio. 

O coordenador estadual adjunto da Defesa Civil, o tenente coronel Benicio Ferrari Junior informou que em Mimoso do Sul a água já está baixando e, com isso, as equipes estão conseguindo acessar mais áreas. “Nesse trabalho de acessar mais locais, a contagem de óbitos cresceu.  Vamos seguir nos trabalhos ao longo do dia dia para acessar todas as vítimas”, diz.

No total, são 4.481 pessoas desalojadas — que precisaram deixar a casa e se abrigar com parentes e amigos — e outras 273 pessoas desabrigadas, ou seja, que perderam a casa e foram encaminhados para abrigo público.

Veja Também

Situação em Mimoso do Sul


Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais
rapido possível!
Clique no botão ao lado e envie sua mensagem

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *